A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

China: Protestos em nome de sufrágio universal em Hong Kong

China: Protestos em nome de sufrágio universal em Hong Kong
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Confrontos e detenções naquele que será o primeiro dia de uma campanha de desobediência civil promovida pelo movimento “occupy central” de Hong Kong.

A polícia de antimotim chinesa interveio para tentar controlar uma zona importante do complexo governamental da antiga colónia britânica. Gás pimenta e lacrimogéneo foram usados pelas autoridades.

Três deputados do parlamento local foram detidos juntamente com outros dois ativistas. Os manifestantes prometeram bloquear o centro de Hong Kong até os governantes recuarem na reforma eleitoral que permite a Pequim decidir os candidatos mas próximas eleições.

A nova etapa dos protestos acontece depois de uma semana de manifestações que culminou com a intervenção policial na zona onde se concentram os contestatários.