Última hora
This content is not available in your region

"Jihadistas" avançam apesar de bombardeamentos

"Jihadistas" avançam apesar de bombardeamentos
Tamanho do texto Aa Aa

Os bombardeamentos aéreos da coligação internacional para travar a progressão dos combatentes do movimento Estado Islâmico não impedem os “jihadistas” de avançar no terreno.

A cidade síria de Ain al Arab, conhecida pelos curdos como Kobani, está ameaçada pelos guerrilheiros.

Os radicais islamitas têm bombardeado a povoação, numa ofensiva que já originou mais de 150 mil refugiados, a maioria procurou abrigo na vizinha Turquia.

Mas o aviso foi claro desde o início. A campanha militar vai ser longa. Um alerta deixado não só pelos líderes ocidentais como pelos próprio combatentes radicais islamitas.

A Frente Al Nusra, um grupo ligado à AlQaida, acusou a coligação de levar a cabo uma guerra contra o Islão que deverá durar décadas. Anunciaram que a resposta vai surgir contra alvos inimigos em todo o mundo.