Última hora

Andy Schleck: A eterna promessa diz adeus ao ciclismo

Andy Schleck: A eterna promessa diz adeus ao ciclismo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Andy Schleck colocou um ponto final da carreira. O luxemburguês de 29 anos justificou a decisão com a dificuldade para recuperar da lesão no joelho direito, sofrida após a queda na última Volta a França.

Para trás ficam oito anos recheados de promessas mas não mais que isso… com apenas 21 anos, Schleck deva-se a conhecer ao mundo com um segundo lugar no Giro.

Dois anos depois alcançou o segundo lugar no Tour e em 2010 foi-lhe atribuída a vitória na prova mais importante do ciclismo mundial depois da desclassificação de Alberto Contador.

Em 2011 voltou a chegar a Paris na segunda posição e a partir daí a carreira caiu a pique. Desde então, passou mais tempo lesionado que sobre a bicicleta e fez mais manchetes pelo consumo de álcool que pelas suas vitórias.

O fim chegou agora.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.