A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

União Europeia tem boas reservas de gás para enfrentar inverno

União Europeia tem boas reservas de gás para enfrentar inverno
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Bruxelas admite intervir se a crise russo-ucraniana causar algum tipo de ruptura no fornecimento de gás durante o próximo inverno.

Alguns Estados-membros da União Europeia (UE) são muito dependentes do gás russo que chega via gasodutos da Ucrânia, mas Bruxelas considera que a União está bem aprovisonada.

Numa conferência de imprensa, esta quinta-feira, em Bruxelas, o comissário para a Energia, Günther Oettinger, disse que “temos maior capacidade de armazenamento, os nossos reservatórios estão mais cheios do que nunca e construímos novos gasodutos”.

“Em breve vamos inaugurar novos terminais de gás natural liquefeito. Estamos agora numa posição muito melhor do que há cinco anos”, acrescentou.

Numa reunião na próxima semana, a UE vai mediar negociações sobre o preço de venda de gás da Rússia à Ucrânia e sobre a dívida que esta acumulou junto do fornecedor.