Última hora
This content is not available in your region

Pedro Almodovar vence prémio Lumière

Pedro Almodovar vence prémio Lumière
Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de estrelas do mundo do cinema juntaram-se na cidade francesa de Lyon para homenagear Pedro Almodovar. O realizador espanhol recebeu o prémio Lumière pelo conjunto da obra.

Além do galardão, Almodovar recebeu as juras de amor de Elena Anaya, protagonista de “A pele onde eu vivo” e de Rosy de Palma, considerada como a musa do realizador de “Saltos Altos”.

“Pedro, meu querido, aqui vai a minha declaração de amor, em francês é mais romântico: Je t’aime”, disse Elena Anaya. “Pedro, tu sabes que eu te adoro”, declarou Rosy de Palma.

“Devo agradecer a todas as pessoas que organizam este festival e especialmente ao público de Lyon que enche as salas. Isso é verdadeiramente admirável. Muito obrigado”, disse o realizador espanhol.

Além da homenagem, Pedro Almodovar teve carta branca para compor dois ciclos de cinema durante o festival, um ciclo dedicado ao cinema espanhol e um segundo com as grandes obras da sétima arte que inspiraram os seus próprios filmes

O realizador espanhol estreou-se com uma primeira longa-metragem em 1980. Pouco a pouco foi conquistando o público espanhol e além-fronteiras. “Mulheres à beira de um ataque de nervos” e “Ata-me” são alguns dos filmes mais celebres do cineasta espanhol que venceu dois óscares em 1999 e 2002 com “Tudo sobre a minha mãe” e “Fala com Ela”.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.