Última hora
This content is not available in your region

Vojislav Seselj desafia governantes

Vojislav Seselj desafia governantes
Tamanho do texto Aa Aa

À chegada ao aeroporto de Belgrado, o líder ultranacionalista sérvio Vojislav Seselj, foi acolhido efusivamente pelos seus apoiantes.

Libertado provisoriamente pelo Tribunal Penal Internacional por razões humanitárias, devido ao seu estado de saúde, Vojislav Seselj desafiou de imediato os governantes Sérvios.

“Dizem que é uma decisão temporária, mas o temporário durará até que afastemos do poder o presidente Tomislav Nikolic e o primeiro-ministro Aleksandar Vucic”, disse o líder ultranacionalista.

Vojislav Seselj é acusado de crimes de guerra e contra a Humanidade na Bósnia, Croácia e Sérvia entre 1991 e 1993, e aguarda julgamento.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.