Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Cientistas cartografam gelo marinho da Antártida

Cientistas cartografam gelo marinho da Antártida
Tamanho do texto Aa Aa

Foram precisos quatro anos, duas expedições e um robot para que um grupo de cientistas de vários países possa enfim dizer que tem, pela primeira vez, um mapa a três dimensões e em alta resolução do mar gelado da Antártida.

O projeto começou em 2010, a bordo do navio James Clark Ross, a quebrar o gelo em direção ao mar de Bellingshausen na Antártida. Chegados ao local, os cientistas fizeram mergulhar um robot equipado com sonar.

A missão foi cartografar uma superfície submarina de 500.000 metros quadrados. Os cientistas da British Antarctic Survey quiseram assim completar o “puzzle”, juntando os dados submarinos às imagens de satélite do topo, tentando assim compreender a espessura da camada de gelo.

“O que estamos a tentar fazer é sobrepor o mapa da superfície ao mapa da parte submarina. Com isso, tiramos imagens de satélite da superfície do gelo marinho e criamos uma equação para determinar a espessura da camada de gelo”, explica Jeremy Wilkinson, diretor da missão.

Ao obter as medidas da espessura da camada de gelo e das mudanças ao longo do tempo, os cientistas conseguem produzir modelos mais corretos do ritmo do aquecimento global: “O gelo marinho é importante. Se estivermos numa nave espacial a olhar para a terra, a observar as regiões polares, vemos que elas são muito brancas. Refletem a luz solar de volta para o espaço. Se retirarmos essa camada branca dos polos, a radiação solar aumenta, o que por sua vez vai aquecer ainda mais o planeta”, diz Wilkinson.

Wilkinson conta-nos que os dados mostram que no mar de Bellingshuasen a camada de gelo diminuiu, nos últimos anos. Os cientistas esperam que as novas medidas os ajudem a perceber porquê.