Última hora
This content is not available in your region

UBS investigado por alegada evasão fiscal nos Estados Unidos

UBS investigado por alegada evasão fiscal nos Estados Unidos
Tamanho do texto Aa Aa

O banco suíço UBS está sob investigação por alegada evasão fiscal nos Estados Unidos.

O banco diz cooperar com os inquéritos do procurador de Nova Iorque e do regulador da bolsa de valores. Em causa está a venda de obrigações ao portador e outros títulos não nominativos, ilegais nos Estados Unidos já que permitem aos compradores não os registarem e, assim, esconderem rendimentos ao fisco.

O UBS vê acumular-se os escândalos.

Em França. o banco foi acusado de cumplicidade em evasão fiscal. Na Alemanha está a ser investigado pelas mesmas acusações.

Em 2009, o UBS tinha já pago, nos Estados Unidos, 780 milhões de dólares para pôr fim a uma investigação semelhante.

No quarto trimestre, o banco viu os lucros subirem quase 13%, mas os resultados anuais contam com mil milhões de dólares de provisões para fazer face aos vários casos judiciais.

A agência de notícias Romandie.com faz o inventário dos escândalos que envolvem o UBS.