Última hora

Mario Draghi defende programa do BCE em Bruxelas

Mario Draghi defende programa do BCE em Bruxelas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mario Draghi foi ao Parlamento Europeu e elogiou Portugal por estar a seguir, com sucesso as políticas dos últimos anos e pelos sinais de retoma que a economia está a apresentar.

O presidente do Banco Central Europeu mostrou-se, também, otimista em relação aos efeitos do programa de compra de ativos lançado pela instituição no início de março, e acredita ser essa uma das razões para uma retoma forte da economia europeia.

“O ritmo, até agora, da compra coloca o programa, no geral, no caminho certo para chegar a um total de 60 mil milhões de euros em março. Neste momento não vemos qualquer sinal de que não haverá títulos suficientes para comprarmos”, assegura.

A eurodeputada portuguesa, Marisa Matias, criticou as políticas do BCE e perguntou se estas não seriam um tipo de chantagem para com o governo grego.

“Se estamos a chantagear a Grécia? É excessivo dizer isso se olharmos para a exposição que temos à Grécia. O BCE tem 104 mil milhões de euros de exposição à Grécia. Isso equivale a 65% do PIB grego. É a maior exposição na Zona Euro. Que chantagem é essa? Cabe-lhe a si julgar” contrapõe o presidente do BCE.

Mario Draghi afirmou, ainda, que o Banco Central Europeu poderá voltar a abrir as linhas normais de financiamento aos bancos privados gregos e começar a comprar dívida pública do país, dentro do seu programa de aquisição de ativos De momento não estão criadas as condições para isso.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.