Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Urbanizações europeias mais verdes e com menos emissões

Urbanizações europeias mais verdes e com menos emissões
Tamanho do texto Aa Aa

A urbanização de Torrelago, em Laguna de Duero perto de Valladolid, em Espanha, é um exemplo de eficiência energética na Europa, com 31 edifícios, com aproximadamente 1500 apartamentos que abrigam 4 mil moradores.

A renovação das fachadas pretende reduzir o consumo de energia. Uma renovação que faz parte do projeto europeu CITyFIED e que deve estar concluída em 2017.

O coordenador do projeto, Ali vasallo, explica o processo: “Já foram reabilitados 7 dos 31 edifícios que compõem a urbanização de Torrelago. Foi aplicado um novo isolamento nas fachadas e o conforto melhorou visivelmente. Nesse sentido, houve uma redução nas necessidades energéticas de cerca de 40%”.

O projeto de reabilitação inclui também a melhoria dos sistemas de aquecimento de água, substituindo as caldeiras a gás pelas de biomassa.

O engenheiro de investigação, Javier Martín Sanz, confirma: “Temos um sistema de produção de calor misto, onde 80% da produção é feita com biomassa e os outros 20% vão ser feitos a gás natural, no futuro. O sistema existe como alternativa: quando não conseguirmos lidar com os picos de carga com o sistema de biomassa, usaremos o gás. Com esta produção mista conseguimos uma redução de mais de 70% nas emissões de CO2”.

Torralago faz parte deste projeto que pretende criar cidades inteligentes e reduzir as emissões de gases com efeito de estufa, em 20%, até 2020.