Última hora

Última hora

Tailandeses em vigília pelo rei morto na véspera de sucessão polémica

no comment

Tailandeses em vigília pelo rei morto na véspera de sucessão polémica

Centenas de tailandeses realizaram quarta-feira, 30 de novembro, uma vigília em tributo ao malogrado rei Bhumibol Adulyadej. A homenagem decorreu à luz de velas, ficou marcada por um período de silêncio que durou 89 segundos, o mesmo número de anos que o monarca, que morreu a 13 de outubro, completaria a cinco de dezembro.

Esta quinta-feira, primeiro de dezembro, é o dia previsto para a nomeação do príncipe herdeiro como sucessor do rei da Tailândia. Se Maha Vajiralongkorn aceitar, será o 10.° Rei da dinastia Chakri, será coroado após a cremação do pai e adotará o título de Rama X.

Maha Vajiralongkorn tem 64 anos e viveu grande parte da sua vida fora da Tailândia, em especial na Alemanha, desligado dos protocolos da coroa tailandesa. Já foi casado e por três vezes divorciou-se, nomeou o cão de estimação, Foo Foo, como marechal da Força Aérea e, quando morreu, o cachorro teve direito a cerimónias fúnebres de quatro dias, de acordo com os rituais budistas. Estes episódios contribuem para a desconfiança em torno do príncipe.

Falar sobre a monarquia na Tailândia é um assunto muito sensível devido à lei de lesa majestade. Insultar ou tecer críticas à família real pode custar um castigo de três a 15 anos de prisão.

Mais vídeos No Comment