Última hora

no comment

Bélgica relembra ataque ao metro de Bruxelas

A Bélgica marcou, esta quinta-feira, o segundo aniversário sobre o ataque à estação de metro de Maelbeek, em Bruxelas, que matou 16 pessoas. O primeiro-ministro Charles Michel, o ministro do Interior, Jan Jambon, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Didier Reynders, participaram na cerimónia e fizeram um minuto de silêncio à hora exata em que se deu o ataque.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.