Última hora

no comment

Condenação de ativistas incendeia ambiente em Rabat

Milhares de marroquinos marcharam este domingo pelas ruas de Rabat, exigindo a libertação dos ativistas que lideraram os protestos contra os problemas económicos e sociais na região de Rif entre 2016 e 2017. Há duas semanas, um tribunal de Casablanca aplicou penas de prisão de 20 anos para quatro ativistas e outros 35 tiveram sentenças entre os dois e os 15 anos.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.