A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Reações internacionais às eleições na Grécia

Reações internacionais às eleições na Grécia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A vitória de Kiriakos Mitsotakis e da Nova Democracia na Grécia suscitou reações a nível internacional.

A maioria absoluta conquistada pelo partido Nova Democracia, de centro-direita, relega o Syriza para o lugar de principal força da oposição.

O Presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, deu os parabéns ao novo primeiro-ministro e saudou o povo grego pelo esforço feito durante a última década.

A primeira-ministra britânica, Theresa May, também reagiu afirmando que o país está aberto ao reforço da cooperação nas áreas da segurança, comércio, investimentos e pessoas.

A Turquia também reagiu pela voz do responsável pela diplomacia. O ministro dos negócios estrangeiros, Mevlut Cavusoglu, afirma-se confiante no reforço da amizade e laços bilaterais durante a liderança de Mitsotakis.

Outros líderes europeus saudaram o novo líder grego. Manfred Weber, líder da bancada do PPE, diz que se trata de uma nova era no país.