Última hora
This content is not available in your region

Após troca de presos Irão anuncia novo passo em direção ao nuclear

Após troca de presos Irão anuncia novo passo em direção ao nuclear
Tamanho do texto Aa Aa

Já chegaram a casa os prisioneiros trocados entre o Irão e os EUA. Para o presidente norte-americano as intensas negociações, mediadas pela Suíça, foram justas e uma demonstração de que é possível negociar.

Xiyue Wang, cidadão dos EUA tinha sido preso pelo Irão, há três anos, e acusado de espionagem. Donald Trump congratula-se com o feito e diz-se muito feliz por ter este refém de volta. "Toda a comunidade da Universidade de Princetown está muito emocionada. Trocámos um refém pelo outro e, na verdade, acho que foi uma grande coisa para o Irão, mostra que podemos fazer algo juntos", afirmou o presidente dos EUA.

A Teerão chegou o cientista Massoud Soleimani que tinha sido detido pelas autoridades dos EUA sob a acusação de ter violado as sanções comerciais ao tentar levar material biológico para o Irão.

Uma lufada de ar fresco nas muito tensas relações entre os dois países. Desde que Trump assumiu a presidência saiu do acordo Nuclear iraniano e aumentou as sanções ao país. Mas que pode ser apenas uma gota de água no oceano já que o Irão anunciou, este sábado, que irá apresentar uma nova geração de centrífugas de enriquecimento de urânio, de fabrico iraniano, brevemente.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.