Última hora
euronews_icons_loading
Thailand

Um dragão à volta de uma torre, almas miseráveis a enfrentarem a tortura, super-heróis a escalarem paredes de mosaico - estas podem parecer cenas de um sonho mas, na realidade, são templos tailandeses famosos.

O reino, de maioria budista, tem inúmeras casas de culto solenes e pagodes, mas há também templos mais peculiares que se transformam em atrações turísticas.

Em Nakhon Pathom, a cerca de uma hora a leste do centro de Banguecoque, a torre do dragão dentro do templo Sam Phran veio dos sonhos do seu antigo abade. A torre de 16 andares, em tons rosa joia, com um dragão a deslizar por cima, simboliza os 16 níveis do céu na mitologia budista.

A sua contraparte infernal é o templo Saen Suk, na província de Chon Buri, onde foram erguidas cenas gráficas de punição e tortura num jardim - como uma masmorra ao ar livre para os visitantes passearem. Estátuas de águias arrancam os intestinos dos malfeitores, aos mentirosos cortam-lhes a língua, e os homens que praticam sexo antes do casamento são apunhalados com uma lança.

Uma representação mais leve do budismo será encontrada no templo Priwat Ratchasongkhram de Banguecoque, onde os adoradores podem ver o Batman a escalar uma porta do templo e Winnie the Pooh a tentar remover uma colmeia de uma pintura de parede.

Carregando a base do Buda está uma estátua de David Beckham vestindo a sua camisola do Manchester United -- uma proeza para os fãs loucos por futebol.