Última hora
euronews_icons_loading
Confrontos no Senegal após prisão do líder da oposição do país

Os confrontos eclodiram em Dakar, na quinta-feira, após a prisão do principal líder da oposição do Senegal, Ousmane Sonko, no dia anterior. Manifestantes foram vistos a montar barricadas dentro da Universidade Cheikh Anta Diop e a atirar projéteis contra as forças de choque - que responderam com gás lacrimogéneo.

É o segundo dia consecutivo de protestos em diferentes cidades senegalesas apoiando Sonko e criticando o governo do presidente Macky Sall. Segundo as autoridades, uma pessoa morreu nos confrontos na cidade de Bignona, na região de Casamance.