A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Vídeo

Há um aumento do discurso do ódio e ataques contra os direitos das mulheres e das pessoas com determinada orientação sexual e identidade de género, que deve ser uma das prioridades da política europeia na área dos direitos humanos, segundo o Representante Especial Eamon Gilmore.