Vídeo

euronews_icons_loading
Maros Sefcovic, vice-presidente da Comissão Europeia