ARQUIVO - Jacob Zuma, numa sessão do Supremo Tribunal de Pietermaritzburg, em Janeiro de 2022

Zuma em liberdade aguarda novo julgamento

Antigo presidente sul-africano cumpriu esta sexta-feira os 15 meses de prisão por desobediência ao Tribunal - 13 foram em prisão domiciliária por motivos de saúde