Última hora

Última hora

Robots voadores podem salvar vidas

Em leitura:

Robots voadores podem salvar vidas

Tamanho do texto Aa Aa

Apresentamos o quadrocóptero – um engenho voador movido a quatro rotores. Foi desenvolvido no quadro de um projeto de pesquisa da União Europeia para fabricar robots que voam.

Através das câmaras montadas a bordo, este modelo consegue ver e orientar-se num espaço a três dimensões. Evita os obstáculos e pode regressar à rota: “O veículo tem de saber onde está, a que velocidade se desloca e conhecer o que está à volta. Temos duas câmaras no centro e iluminação LED para dar luz à cena e temos também medições de inércia que nos dão dados sobre a velocidade angular e a aceleração. Sabe exatamente onde está a regressa se eu o empurrar”, explica Janosch Nikolić, pesquisador neste projeto.

Os robots voadores podem ajudar os humanos em tarefas arriscadas e monótonas, por exemplo, na inspeção de muros ou condutas em fábricas: “Neste momento, têm de fechar a fábrica e mandar pessoas para inspecionar tudo manualmente, o que consome tempo e é muito perigoso, já morreram pessoas a fazer este tipo de inspeções. O que queremos fazer é mandar helicópteros que fazem uma inspeção visual e dão um modelo da caldeira a três dimensões, assim podemos inspecionar manualmente alguns elementos”, acrescenta Nikolić.

O desenho do robot voador pode ser modificado, de forma a poder apanhar pequenos objetos ou usar sensores ultrassónicos para ver através das paredes. As funções automáticas simplificam a tarefa do operador, que não tem de ser um perito para aprender a operar a máquina.

Nos próximos anos, os robots voadores vão tornar as tarefas mais fáceis e mais seguras, trazendo uma nova dimensão à automatização industrial.