Última hora

Última hora

Hong Kong: Polícia desmantela acampamento dos manifestantes pró-democracia

Em Hong Kong, as forças da ordem desmantelam aquele que foi o epicentro do movimento pró-democracia enquanto um punhado de de manifestantes garante: "Voltaremos"

Em leitura:

Hong Kong: Polícia desmantela acampamento dos manifestantes pró-democracia

Tamanho do texto Aa Aa

Em Hong Kong, um punhado de manifestantes resiste enquanto as forças da ordem desmantelam as tendas e as barricadas instaladas naquele que se tornou o centro do movimento de protesto, iniciado há mais de 11 semanas.

Point of view

O governo e os responsáveis no poder podem limpar as estradas e as ruas mas mão podem conquistar o coração do povo de Hong Kong - Alan Leong

O desmantelamento do acampamento pró-democracia, no bairro de Admiralty, é o resultado da decisão do Supremo Tribunal, depois da queixa dos comerciantes e das empresas de transportes públicos.

“O governo e os responsáveis no poder podem limpar as estradas e as ruas mas mão podem conquistar o coração do povo de Hong Kong, especialmente das duas próximas gerações que serão os homens e as mulheres de amanhã e que hoje são a força do ‘Movimento dos Chapéus-de-chuva’”, afirma o deputado pró-democracia Alan Leong.

Após o pico da contestação, a 28 de setembro, quando dezenas de milhares de pessoas saíram às ruas, para reclamar democracia, o número de manifestantes tem vindo a diminuir, assim como o apoio da opinião pública.

Gritando a palavra de ordem “Voltaremos”, alguns manifestantes mantiveram-se fiéis ao protesto – até que a polícia os levou. Até agora, não se sabe se os cerca de 100 manifestantes que a polícia removeu do local foram detidos e oficialmente acusados.