Última hora

Última hora

Rússia: Inimigo n°1 de Vladimir Putin condenado a três anos e meio de prisão

O conhecido bloguista e opositor russo, Alexei Navalny, foi condenado, esta terça-feira, a três anos e meio de prisão, com pena suspensa por desvio

Em leitura:

Rússia: Inimigo n°1 de Vladimir Putin condenado a três anos e meio de prisão

Tamanho do texto Aa Aa

O conhecido bloguista e opositor russo, Alexei Navalny, foi condenado, esta terça-feira, a três anos e meio de prisão, com pena suspensa por desvio de dinheiro.

A leitura da sentença estava agendada para meados de janeiro de 2015 mas foi antecipada para impedir que os apoiantes protestassem contra o seu julgamento, que consideram político.

Alexei foi perseguido, juntamente com o irmão Oleg, no âmbito de um caso de desvio de cerca de 410 mil euros, entre 2008 e 2012, de uma filial da empresa francesa Yves Rocher. O bloguista encontrava-se em prisão domiciliária, o irmão Oleg foi condenado a três anos e meio de prisão efetiva.

O bloguista afirma que a prisão do irmão tem como objetivo castigá-lo ainda mais.

Alexei Navalny ficou conhecido por denunciar, num blogue, a corrupção das elites russas e era, até há pouco tempo, considerado o “inimigo político número um” pelo Presidente russo, Vladimir Putin.

O contestatário, que no ano passado já tinha sido condenado a cinco anos de prisão com pena suspensa, acredita que está a ser alvo de perseguição política.

O Kremlin nega as alegações de que esteja a usar os tribunais para processar adversários.