Última hora

Última hora

Grécia: A hora da verdade para Tsipras

O primeiro-ministro grego, a chefiar o governo há mais de um mês, ainda não conseguiu aplicar o projeto político com que foi eleito e nesta altura surgem dúvidas no seio do seu próprio grupo sobre as

Em leitura:

Grécia: A hora da verdade para Tsipras

Tamanho do texto Aa Aa

A Grécia submete hoje a lista de reformas económicas aos credores internacionais.

O documento foi já enviado a Bruxelas condição requerida pelos parceiros para prorrogar o acordo de extensão de financiamento.

Depois de negociações difíceis, a Grécia assegurou na sexta-feira uma extensão de quatro meses de financiamento para evitar o incumprimento e a potencial saída da zona do euro.

Resta agora saber se o executivo de Alexis Tsipreas irá convecer os seus parceiros com as promessas de reformas, os gregos receiam o futuro.

Este pensionista diz: “Eles têm que aceitar as medidas para que a economia possa melhorar se não será a nossa destruição. Um dia vamos ser postos fora”.

Bruxelas quer garantias sobre a luta contra a evasão fiscal e contra a corrupção no país. Alguns eleitores acreditam que é possível.

“O que posso dizer, eu estou otimista, mesmo que não seja um defensor deste governo. Mas agora, estou com eles, se eles tiverem sucesso, eu vou apoiá-los.

O primeiro-ministro grego, a chefiar o governo há mais de um mês, ainda não conseguiu aplicar o projeto político com que foi eleito e nesta altura surgem dúvidas no seio do seu próprio grupo sobre as possibilidades realísticas das suas promessas.