Última hora

Última hora

Pena de morte para suspeito dos atentados de Boston?

Na véspera do início do julgamento de Djokhar Tsarnaev, um olhar sobre o duplo atentado durante a maratona de Boston, a questão da pena de morte, a defesa e um breve perfil do jovem suspeito.

Em leitura:

Pena de morte para suspeito dos atentados de Boston?

Tamanho do texto Aa Aa

O julgamento de Djokhar Tsarnaev, acusado pelo duplo atentado durante a maratona de Boston em 2013, tem início esta quarta-feira, 4 de março.


Foto de Djokhar disponibilizada pelo FBI

O ataque e a caça ao homem

A 15 de Abril de 2013, duas bombas artesanais explodiram junto à meta da maratona de Boston, fazendo três mortos – entre os quais um rapaz de 8 anos – e 264 feridos.

Explosão capturada por Dan Lampariello, fotógrafo da agência Reuters

Dois dias mais tarde, o FBI identifica como suspeitos os irmãos Tamerlan e Djokhar Tsarnaev, de 26 e 19 anos, respetivamente (ambos viviam nos Estados Unidos há cerca de uma década). Segue-se uma impressionante caça ao homem. Os dois irmãos surgem nas imagens capturadas por uma câmara de vigilância antes do duplo atentado

Na noite de 18 de Abril, um polícia de 27 anos é morto a tiro no campus do Instituto de Tecnologia de Massachusetts. Mais tarde, as autoridades vão responsabilizar os irmãos por esta morte, dizendo que terão tentado apoderar-se da arma do agente.

Tamerlan terá depois roubado um carro à mão armada, tomando como refém o condutor, que conseguiu escapar quando os dois irmãos pararam numa bomba de gasolina, alertando depois as autoridades. Encurralados na sequência de uma perseguição, os irmãos Tsarnaev envolveram-se num tiroteio com a polícia. Tamerlan foi ferido e atropelado acidentalmente por Djokhar, que fugiu de carro. O irmão mais velho acabaria por morrer a caminho do hospital.

Djokhar abandonou o carro e escapou a pé. Com a área metropolitana de Boston completamente parada e cercada, o jovem suspeito acabaria por ser encontrado ferido e escondido num barco, que se encontrada estacionado a seco numa residência do subúrbio de Watertown.

Djokhar enfrentará a pena de morte?

Apesar do Estado de Massachussetts ter abolido a pena de morte há 30 anos e de a última execução datar de 1947, a legislação federal permite a sua aplicação em casos de terrorismo. A acusação pediu a pena capital para Tsarnaev.
A questão está longe de ser consensual. Depois dos jurados terem decidido o veredito, será preciso considerar a sentença e se a pena de morte é merecida.

A defesa

Djokhar declarou-se inocente de todas as acusações de que é alvo. Os seus advogados disseram que não terá um processo justo em Boston, devido à relação emocional do júri com os ataques, e que o jovem foi bastante influenciado pelo irmão mais velho, Tamerlan.

Esboço de Djokhar numa audiência preliminar

Perfil de Djokhar

Muçulmano de origem chechena, Djokhar Tsarnaev terá nascido no Quirguistão, em 1993, e mudou-se para os Estados Unidos com a família, em 2002 ou 2003.
O jovem sempre viveu em Cambridge, onde se viu atribuir uma bolsa de estudos em 2011 pela Universidade de Massachusetts, mesmo ano em que se sagrou campeão local de luta livre.
A viver no Daguestão no momento dos atentados, o pai descreve Djokhar como “um rapaz inteligente, que está no segundo ano de Medicina nos Estados Unidos”.
Ávido utilisador das redes sociais na internet, é descrito por várias fontes como sendo bastante próximo do irmão mais velho. Onze meses antes do duplo atentado, escrevia, em russo, na sua conta no Twitter: “Vou morrer jovem”.