Última hora

Última hora

Nuclear: Subsiste o otimismo iraniano nas negociações com os 5+1

As negociações sobre o programa nuclear iraniano vão ser retomadas no próximo dia 21. Apesar do acordo preliminar obtido entre Teerão e os 5+1 na

Em leitura:

Nuclear: Subsiste o otimismo iraniano nas negociações com os 5+1

Tamanho do texto Aa Aa

As negociações sobre o programa nuclear iraniano vão ser retomadas no próximo dia 21.

Apesar do acordo preliminar obtido entre Teerão e os 5+1 na última ronda de negociações, ainda subsistem questões que têm de ter uma resposta clara até ao fim junho.

Entre elas está o levantamento das sanções impostas ao Irão e a possibilidade de Teerão utilizar centrifugadoras de última geração.

“Não estou a filosofar. Acredito que estamos mesmo perto de um acordo, mas é necessário não só redigi-lo como mudar a mentalidade e o paradigma para que resulte”, disse Mohammad Javad Zarif, ministro dos Negócios Estrangeiros iraniano de visita a Madrid.

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, reafirmou mais uma vez o seu desagrado com uma solução negociada do problema.

“É um acordo muito mau. É um acordo que dá ao Irão a capacidade de se apetrechar com armamento nuclear, encher os cofres com muito dinheiro permitindo-lhe continuar com o terrorismo e as agressões no Médio Oriente”, disse o líder israelita.

Teerão festeja, mas Israel é considerada a única potência nuclear do Médio Oriente e não assinou o Tratado Sobre a Não-Proliferação de Armas Nucleares. Netanyahu exige que qualquer acordo final com o Irão inclua o reconhecimento iraniano claro e inequívoco do direito à existência de Israel.