Última hora

Última hora

Ucrânia: Dia da Vitória celebrado nos dois lados da barricada

A Ucrânia celebrou a vitória contra a Alemanha nazi em dois dias. Na sexta-feira juntou-se pela primeira vez ao Ocidente nas comemorações e este

Em leitura:

Ucrânia: Dia da Vitória celebrado nos dois lados da barricada

Tamanho do texto Aa Aa

A Ucrânia celebrou a vitória contra a Alemanha nazi em dois dias. Na sexta-feira juntou-se pela primeira vez ao Ocidente nas comemorações e este sábado cumpriu a tradição. O presidente Petro Poroshennko depositou um ramo de flores no túmulo do soldado desconhecido e recordou que, 70 anos depois, o país está novamente em guerra. No seu discurso lançou um aviso:

Point of view

Reuters, AFP

“Nós vamos derrotar os ocupantes, novamente. Eu fiz, faço e farei o possível e o impossível para que a paz regresse à Ucrânia. Eu tenho fé na vitória. Este é o meu desejo para os ucranianos neste feriado.”

Em Donetsk, no coração do leste separatista, o 9 de maio também foi celebrado. Cerca de 1500 rebeldes desfilaram na principal artéria da cidade onde fizeram questão de mostrar algum do material militar com que estão equipados. Os populares mostraram-se entusiasmados.

O cessar-fogo concluído em fevereiro não pôs fim aos combates. Os confrontos voltaram a intensificar-se nos últimos dias e a lista de vítimas mortais continua a aumentar.