Última hora

Última hora

"Europe Weekly": Europa concentra atenções na crise migratória

Na edição desta semana de “Europe Weekly”, programa onde passamos em revista os assuntos que marcam a agenda europeia, a crise migratória que afeta o

Em leitura:

"Europe Weekly": Europa concentra atenções na crise migratória

Tamanho do texto Aa Aa

Na edição desta semana de “Europe Weekly”, programa onde passamos em revista os assuntos que marcam a agenda europeia, a crise migratória que afeta o velho continente volta a estar em evidência.

Representantes gauleses e da Comissão Europeia visitaram a cidade francesa de Calais, mas não chegaram a entrar na “Selva”, uma zona onde se encontram migrantes vindos em grande parte da Eritreia, Etiópia, Sudão e Afeganistão, que partiram para tentar cruzar o Canal da Mancha.

Do périplo saiu a promessa do desbloqueio de mais fundos europeus e da construção de um campo de refugiados.

Ainda em Calais, os camionistas que viajam para o Reino Unido têm muitas dificuldades para evitar que os migrantes viajem de forma clandestina nos veículos que conduzem. Precisam por isso de atenções redobradas, até porque se arriscam a multas pesadas se as autoridades britânicas encontrarem algum passageiro desconhecido a bordo.

A Hungria é uma das rotas de passagem de milhares de refugiados, grande parte sírios, que fogem da guerra e percorrem o continente desde países como a Turquia. Na capital belga, o primeiro-ministro húngaro disse que não se pode prometer asilo a todas as pessoas e que é melhor que não venham, ficando pela Turquia. O chefe de Governo responsabilizou a Alemanha pelo caos que se vive em Budapeste.

O vice-presidente da Comissão Europeia, Frans Timmermans, e o comissário europeu para a Imigração, Assuntos Internos e Cidadania, Dimitris Avramopoulos, viajaram para a Grécia para analisar com o Governo interino do país a crise migratória e perceber a melhor maneira de geri-la.

A chanceler alemã, Angela Merkel disse que se não houver uma correta distribuição de refugiados, voltará a questiOnar-se Schengen, o espaço de livre circulação integrado por grande parte dos Estados-membros da União Europeia e por outros países que não se encontram no bloco comunitário.

Falámos sobre esta matéria com Sergio Carrera, do Centro de Estudos de Política Europeia (CEPS).

A agenda da próxima semana:

Segunda-feira – Manifestação de agricultores e de produtores europeus, no mesmo dia da reunião dos ministros da Agricultura dos 28 em Bruxelas.

Quarta-feira – Presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, pronunciará o primeiro discurso sobre o Estado da União.

Sexta-feira – Reunião dos ministros europeus da Economia, no Luxemburgo.