Última hora

Última hora

Custo dos ingredientes do pequeno-almoço inglês mais baixo em cinco anos

O custo dos produtos que integram o menú tradicional do pequeno-almoço inglês é o mais baixo em cinco anos. Embora os analistas ressalvem que a baixa

Em leitura:

Custo dos ingredientes do pequeno-almoço inglês mais baixo em cinco anos

Tamanho do texto Aa Aa

O custo dos produtos que integram o menú tradicional do pequeno-almoço inglês é o mais baixo em cinco anos. Embora os analistas ressalvem que a baixa nos preços dos produtos básicos não tenha sempre efeito direto sobre a fatura a pagar pelo consumidor final, os apreciadores do pequeno-almoço inglês podem esperar pagar menos.

Os preços de seis ingredientes básicos do pequeno-almoço inglês – trigo, leite , café, sumo de laranja , açúcar e carne de porco – caíram este ano ao nível mais baixo desde 2010, de acordo com o Financial Times.

As razões são o clima favorável, a produção abundante e a recente venda agressiva das matérias-primas. A alta do dólar norte-americano retirou também capacidade de competição às exportações dos Estados Unidos, a par da pressão dos preços das sementes oleaginosas.

O preço do café caiu 28% este ano, refletindo a desvalorização da moeda brasileira e de colheitas abundantes na Colômbia. No ano passado, os preços do café subiram em consequência da queda na produção provocada por uma seca sem precedentes no Brasil.

As previsões para a produção de trigo australiana aumentaram de 23,6 milhões de toneladas para 25,3milhões de toneladas, graças às chuvas favoráveis e à expansão das lavouras. A França também espera uma colheita recorde.

O Conselho Internacional dos Cereais elevou em agosto a sua estimativa de produção mundial de trigo, prevendo uma produção recorde de 720 milhões de toneladas em 2015/2016 e consequente baixa de preços.