Última hora

Última hora

Serra Leoa livre de Ébola

Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a Serra Leoa livre do Ébola que provocou a morte de milhares de pessoas e uma brutal recessão económica

Em leitura:

Serra Leoa livre de Ébola

Tamanho do texto Aa Aa

Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a Serra Leoa livre do Ébola que provocou a morte de milhares de pessoas e uma brutal recessão económica.

O anúncio foi recebido com manifestações de alegria por toda a capital.

Serra Leoa, que recebeu críticas por algumas medidas extremas para erradicar o vírus, como o confinamento de toda a população em setembro de 2014 e em março de 2015, travou uma dura batalha contra a doença, um pesadelo que foi ultrapassado, mas as recomendações devem ser mantidas, lembrou o Presidente Ernest Bai Koroma.

“O surto de Ébola terminou em Serra Leoa, mas temos de permanecer vigilantes e em alerta”.

A epidemia, a mais grave desde que o vírus foi identificado na região central da África em 1976, provocou mais de 11.300 mortes entre quase 29.000 casos registados, um balanço que na realidade pode ser ainda maior, admite a OMS.