Última hora

Última hora

Crianças migrantes em risco face a anormal vaga de frio

O alerta parte das Nações Unidas e de organizações humanitárias. Milhares de crianças migrantes em trânsito em direção ao coração da Europa através

Em leitura:

Crianças migrantes em risco face a anormal vaga de frio

Tamanho do texto Aa Aa

O alerta parte das Nações Unidas e de organizações humanitárias. Milhares de crianças migrantes em trânsito em direção ao coração da Europa através da Turquia e dos balcãs estão em risco, face a uma vaga de frio invernal nas próximas duas semanas.

Há a previsão para temperaturas negativas fora do normal e de nevões.

“Não tive que pensar muito sobre o tempo na Síria. As crianças estão agora a ter mais dificuldades. E é uma longa distância, caminhar desde a Síria”, explica um requerente de asilo.

Face à avalanche de migrantes a entrar no país, o ministro dos Negócios Estrangeiros da Alemanha, acredita que não é com o encerramento das fronteiras que o problema é resolvido.

“Não vamos encontrar uma solução com um piscar de olhos. E eu garanto que o encerramento das fronteiras não é a solução para os problemas”, declarou Frank-Walter Steinmeier.

Ideia diferente tem o ministro do Interior da Baviera, Joachim Herrmann, que pretende evitar entradas sem controlo no país.

“O termo encerrar fronteiras pode ser facilmente mal-interpretado. Ninguém está a falar sobre o encerramento total da fronteira. Claro que tráfico económico vai continuar, as importações e exportações ou os turistas para o esqui em ambas as direções”, refere

Muitos migrantes decidem fazer-se à estrada com crianças, apesar de estarem ou atravessarem países relativamente estáveis durante o periodo de inverno.