Última hora

Última hora

Natalie Portman é a heroína do western "As armas de Jane"

Em leitura:

Natalie Portman é a heroína do western "As armas de Jane"

Tamanho do texto Aa Aa

Natalie Portman é a heroína do western “As armas de Jane”. O filme gira em torno de uma mulher obrigada a defender a quinta dos ataques de um grupo

Natalie Portman é a heroína do western “As armas de Jane”. O filme gira em torno de uma mulher obrigada a defender a quinta dos ataques de um grupo de criminosos. O marido foi baleado. Jane procura a ajuda de um antigo amante.

Point of view

Foi fantástico rodar este _western_ que gira em torno de uma mulher forte. Ela teve de endurecer devido às condições de vida no oeste, uma região com poucas mulheres e muitos obstáculos. A personagem é dura, está cercada, e, ao mesmo tempo, tem de lidar com dois homens. É uma história fora de vulgar.

A atriz norte-americana participou na estreia mundial do filme, em Nova Iorque. Além de incarnar o papel principal,Portman é produtora da obra realizada por Gavin O’Connor.

“Foi fantástico rodar este western que gira em torno de uma mulher forte. Ela teve de endurecer devido às condições de vida no oeste, uma região com poucas mulheres e muitos obstáculos. A personagem é dura, está cercada, e, ao mesmo tempo, tem de lidar com dois homens. É uma história fora de vulgar”, sublinhou a atriz de 34 anos.

“Adorei fazer o filme, queria muito fazer um western. Voltaria a participar num projeto deste tipo. O facto de a Natalie Portman ser a atriz principal agradou-me. Trabalhámos juntos na ‘Guerra das estrelas’” contou o ator australiano Joel Edgerton.

“As Armas de Jane” estreia este mês em várias salas de cinema europeias e ainda não tem data anunciada em Portugal.