Última hora

Em leitura:

Crise migratória leva Merkel de novo à Turquia


mundo

Crise migratória leva Merkel de novo à Turquia

Angela Merkel está, esta segunda-feira, em Ancara para fazer um ponto de situação com as autoridades turcas sobre a aplicação do plano de ação União Europeia -Turquia para enfrentar a crise dos refugiados.

O acordo, alcançado em novembro, prevê que a Turquia melhore as condições de acolhimento dos mais de dois milhões e meio de refugiados sírios e reforce o controlo da fronteira marítima com a Grécia a troco de uma ajuda de 3 mil milhões de euros, que foi aprovada pela UE, na semana passada.

Na conferência de imprensa conjunta, a chanceler alemã e o primeiro-ministro turco criticaram os bombardeamentos russos na Síria, afirmando que violam a resolução do Conselho de Segurança das Nações Unidas, que a Rússia também aprovou e que exige o fim dos ataques contra áreas civis.

Para além do encontro com Ahmet Davutoglu, Merkel tem uma reunião marcada para esta tarde com o presidente Recep Tayyip Erdogan.

O encontro da chanceler com as autoridades turcas, o quinto nos últimos quatro meses, ocorre numa altura em que cerca de 45 mil refugiados, que fugiram da batalha por Aleppo, aguardam junto à fronteira para entrar na Turquia.

Esta segunda-feira, mais de três de dezenas de migrantes morreram no mar Egeu ao largo da costa turca em dois novos naufrágios de embarcações sobre lotadas que tentam chegar às ilhas gregas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Índia

Índia: Leopardo entra em escola e fere seis pessoas