Última hora

Última hora

Em Budapeste, é possível pagar táxis em bitcoins

O serviço já está acessível em 600 táxis na capital da Hungria.

Em leitura:

Em Budapeste, é possível pagar táxis em bitcoins

Tamanho do texto Aa Aa

Há ainda muito pouca gente a saber o que são as bitcoins, mas em Budapeste, capital da Hungria, é já possível pagar um táxi nesta moeda virtual.

Desde que foi criada em 2009, a bitcoin foi alvo de muita especulação. Começou por valer menos de um dólar e chegou a valer mais de 1200.

András Lőwy decidiu criar a COinPAY, uma empresa que facilita os pagamentos em bitcoins a pensar em quem tem esta moeda: “A nossa empresa quer que quem tem bitcoins possa poder gastá-las em produtos, serviços e mesmo em lojas físicas, não só na Internet. Isso significa algum crescimento económico e ajuda quem precisa destes serviços”, diz.

O serviço já está acessível em 600 táxis na capital da Hungria. O dono da empresa de táxis pardeira do projeto acredita que, pelo menos por agora, pouca gente o vá utilizar, mas não quis perder este combóio: “Acreditamos que temos de agarrar todas as oportunidades que aparecem, aproveitar a inovação. Se esta inovação for um sucesso, vamos poder dizer que fomos os primeiros”, diz Csaba Horváth.

Mesmo se poucos húngaros conheçam a bitcoin, estima-se que haja no país o equivalente a 25 milhões de euros a circular nesta moeda: “Em Budapeste há várias máquinas distribuidoras de bitcoins. Muitos criticam esta forma de pagamento, dizem que ajuda a economia paralela. Outros apontam a inovação como vantagem”, conclui Andrea Hajagos, correspondente da euronews na Hungria.