Última hora

Última hora

As vantagens da economia colaborativa

Pergunta de James, de Londres: “Quais são os benefícios da chamada economia colaborativa para os consumidores?” Resposta de Guillermo Beltrà

Em leitura:

As vantagens da economia colaborativa

Tamanho do texto Aa Aa

Pergunta de James, de Londres:

“Quais são os benefícios da chamada economia colaborativa para os consumidores?”

Resposta de Guillermo Beltrà, responsável da Organização Europeia de Consumidores:

“A economia colaborativa está a mudar a maneira como os consumidores adquirem os produtos ou serviços. É um conceito que pode trazer inúmeros benefícios. Permite, por exemplo, que um consumidor possa arrendar uma casa de férias ou contratar um arquiteto ou um advogado de uma forma muito mais eficaz do que antes e a preços mais baratos.

Estas novas plataformas tornam também mais fácil a partilha de produtos e serviços. Hoje em dia é muito fácil dividir os custos de uma viagem de carro com alguém que não se conhece, por exemplo, ou alugar ferramentas a um vizinho com quem nunca falámos antes.

A economia colaborativa possibilita então que qualquer pessoa possa disponibilizar o seu apartamento, o seu carro, as suas competências ou o seu tempo, de forma a conseguir um rendimento extra, o que é importante numa altura de tantas dificuldades financeiras.

No entanto, a economia colaborativa é uma questão que as políticas de proteção do consumidor têm de passar a contemplar a nível nacional e europeu. Os consumidores têm de dispor de garantias para poder confiar neste conceito.

O desafio mais imediato a nível político é tentar compreender como é que as leis atuais se enquadram ou não neste contexto de atividades compartilhadas.
É algo que ainda não é muito claro. Se se apurar que as legislações existentes não oferecem uma proteção adequada, é necessário agir rapidamente no sentido de garantir a proteção dos consumidores que utilizem este sistema de economia colaborativa.”

- Se quiser fazer uma pergunta ao Utalk, clique na ligação mais abaixo