Última hora

Última hora

Presidenciais dos EUA: Jeb Bush lança controvérsia com foto de arma e a palavra "America"

Em leitura:

Presidenciais dos EUA: Jeb Bush lança controvérsia com foto de arma e a palavra "America"

Tamanho do texto Aa Aa

A palavra “América” e uma foto de uma pistola com a inscrição “Gov. Jeb Bush” foi a mensagem publicada no Twitter, esta terça-feira às 21h30 (hora de Lisboa), pelo candidato às primárias republicanas e irmão do antecessor de Barack Obama na Casa Branca, George W. Bush. O manifesto suscitou uma avalanche de reações, positivas, sarcásticas ou indignadas.

Depois de ter visitado a fábrica do produtor de armas FN Manufacturing em Columbia, no Estado da Carolina do Sul, Jeb Bush, ex-governador do Estado da Florida, publicou a imagem. A pistola foi identificada por Scott Farmer, um conselheiro do senador republicano Lindsey Graham, que entretanto passou a apoiar Jeb Bush na corrida presidencial, como um modelo FNX 45.


Resumir os EUA a uma pistola suscitou, como previsto, muitas reações. O número de pessoas que disseram “gosto” da mensagem, tal como as vezes que foi repartilhada, excedeu as 18 mil após 9 horas sobre a publicação, um recorde de uma conta onde os reencaminhamentos das mensagens publicadas raramente ultrapassam a centena.

Mas os internautas alteraram o sentido da mensagem, modificando a inscrição ou publicando só o título “América” acompanhado de uma foto alegadamente representativa de tendências ou excessos dos EUA, fosse o lutador Hulk Hogan em fato de luta livre, um jogador de uma equipa de futebol norte-americano prestes a fumar um cigarro de marijuana, homens obesos ou ainda uma montagem fantástica de Ronald Reagan, cavalgando um velociraptor, com um lança-foguetes a tiracolo e uma bandeira nas presas do dinossauro que urra no meio de uma batalha apocalíptica. “Apaguem a vossa conta”, escreveu Edward Snowden, o ex-informático da Agência Nacional de Segurança.


O tema das armas também fez reagir os partidários de um reforço das leis sobre as vendas das armas de fogo. Vários publicaram a mensagem “América” com a foto das 26 vítimas do tiroteio na escola Sandy Hook em 2012.

Houve também os que simplesmente decidiram brincar com o candidato e irmão do último Presidente repoublicano dos Estados unidos.