Última hora

Última hora

Radicais perdem bastião em Benghazi

Os radicais do Estado Islâmico perderam o principal reduto em Benghazi, na Líbia, e os habitantes foram os primeiros a festejar. Esta terça-feira, as

Em leitura:

Radicais perdem bastião em Benghazi

Tamanho do texto Aa Aa

Os radicais do Estado Islâmico perderam o principal reduto em Benghazi, na Líbia, e os habitantes foram os primeiros a festejar.

Esta terça-feira, as forças leais ao Governo de Tripoli assumiram o controlo de Lithi, mais conhecida por Kandahar de Benghazi e de Boatni, até agora nas mãos dos insurgentes.

Durante os combates pelo menos 20 pessoas morreram e mais de 40 ficaram feridas.

A operação em curso para libertar a segunda maior cidade do país prossegue, na zona de Sabri, no centro, ocupada atualmente pelos militantes do autoproclamado Estado Islâmico.

Localizada a 1000 quilómetros da capital, Benghazi tem sido uma das cidades mais fustigadas pela violência desde a queda de Muammar Kadhafi há cinco anos.

O enviado de Barack Obama para coordenar a campanha contra o Estado Islâmico, Brett McGurk, não exclui uma intervenção dos Estados Unidos no país.