Última hora

Em leitura:

Transporte de mercadorias: Representantes de empresas de leste protestam contra "Lei Macron"

A redação de Bruxelas

Transporte de mercadorias: Representantes de empresas de leste protestam contra "Lei Macron"

Publicidade

Representantes das empresas de transportes do Leste da Europa manifestaram-se esta terça-feira em Bruxelas contra o estabelecimento de um ordenado mínimo para o setor. A proposta, a chamada Lei Macron, foi apresentada por França e o objetivo é combater o que chamam de concorrência desleal dos operadores de países como a Hungria, Polónia ou República Checa.

Dávid Bobál, organizador do protesto, lembra que “se a Alemanha e França vão decidir quanto é que os motoristas vão receber, isso não vai aumentar o salário desses motoristas mas sim os encargos para as empresas. Isso será insustentável. Esta medida atira muitas empresas para fora do mercado”.

Recorde-se que a Alemanha já tinha tentado avançar com uma medida semelhante para todas as empresas que operam em território germânico. Mas a União Europeia acabou por abrir um processo contra o governo alemão por tentativa de limitar a concorrência de leste.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte