Cenas de dor na morgue de Istambul

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira  com BORA BAYRAKTAR
Cenas de dor na morgue de Istambul

Os corpos das vítimas do atentado no aeroporto de Istambul estão a ser entregues às famílias, à medida que vão sendo identificados.

Na morgue da cidade, as cenas de dor repetem-se: “Este é o lugar onde a dor mais se faz sentir depois do ataque terrorista. Vivem-se momentos difíceis, com a entrega dos corpos às famílias”, conta o correspondente da euronews, Bora Bayraktar.

Até agora, as autoridades turcas confirmaram 41 mortes na sequência do atentado, incluindo vários estrangeiros.

Osman Günay perdeu um amigo de infância: “Ele tinha ido buscar um amigo ao aeroporto e aquilo aconteceu quando se estavam a ir embora. Foi morto a tiro. Um polícia saltou para cima de um dos bombistas suicidas. Sacrificou-se para salvar muitos”.

Há ainda mais de 100 feridos, distribuídos por 20 hospitais de Istambul. O ministério turco da saúde confirmou que há 48 pessoas nos cuidados intensivos, incluindo várias em estado crítico.