Última hora

Em leitura:

Bangladesh: Pelo menos 26 pessoas morreram no ataque a um restaurante

mundo

Bangladesh: Pelo menos 26 pessoas morreram no ataque a um restaurante

Publicidade

Pelo menos 26 pessoas morreram no ataque ao restaurante na capital do Bangladesh. Entre as vítimas mortais estão os seis autores desta ação. As forças de segurança do Bangladesh conseguiram pôr fim ao cerco já na manhã deste sábado e foram ainda libertados 14 reféns. Este ataque foi reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico.

De acordo com a Divisão para a Segurança Diplomática da Polícia em Daca, já foram retirados cinco corpos do interior do estabelecimento mas ainda não é possível saber se se são civis ou atacantes.

O supervisor do restaurante esteve muito perto dos autores do ataque e garante que no máximo teriam perto de 30 anos. Ainda que tenha visto a alguma distância, garante que não pareciam radicais islâmicos.

Um alto comando das forças especiais da Polícia do Bangladesh, em declarações a meios de comunicação local revelou que três dos reféns libertados são estrangeiros e os restantes são locais. Outras fontes dizem que existiam reféns de nacionalidade italiana, indiana e japonesa.

O restaurante foi atacado na sexta-feira à noite por um grupo de homens armados. O Holey Artisan Bakery está localizado no bairro diplomático de Daca. A operação policial contou com mais de uma centena de militares e forças de segurança e durou toda a noite.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte