Última hora

Em leitura:

Não perca a chuva de meteoros Perseidas deste verão

mundo

Não perca a chuva de meteoros Perseidas deste verão

Publicidade

Não se esqueça deixar o despertador na hora certa para assistir a mais um espetáculo cósmico das chamadas estrelas cadentes.

A chuva de meteoros Perseidas acontece todos os anos e é conhecida pela queda de meteoros rápidos e brilhantes.

Espera-se que este verão proporcione aos que ficarem atentos aos céus dos nos dias 11 e 12 de agosto alguns dos melhores momentos de observação astronómica da temporada. Espera-se uma chuva de meteoros mais intensa do que o habitual.

Bill Cooke, da agência espacial norte-americana NASA, diz que esperam mais metereoros do que o habitual na chuva Perseida deste ano:

“Em certos casos e com condições ótimas de observação, podemos vir a observar até 200 metereoros por hora.”

Uma chuva de meteoros explosivos, como são conhecidos estes fenómenos astronómicos quando podem ser observados mais estrelas cadentes do que o normal, tal como aconteceu, pela última vez, em 2009.

Um meteoro Perseida é um pedaço do cometa Swift-Tuttle, que se encontra numa órbita que o situa relativamente perto da Terra e da Lua. Cada rotação do do cometa no sistema solar pode deixar vários milhões de partículas durante o percurso.

Quando o Swift-Tuttle se cruza com a Terra, os destroços deixados penetram na atmosfera, desintegrando-se e dando origem aos fenómenos luminosos que podem ser observados desde a superfície do Planeta. Chamam-se Perseidas porque os cientistas acreditam que têm origem na constelação do Perseu.


Em Portugal
  • Apesar de não ser dos melhores pontos do Planeta para observar a chuva de meteoros Perseidas, os interessados poderão desfrutar de alguns bons momentos nos céus.
  • Segundo o Observatório Astronómico da Universidade de Lisboa, por causa do horário português, o pico da atividade terá lugar em pleno dia (entre as 13h00 e as 15h30, hora de Lisboa).
  • Estão, no entanto, marcados encontros para a observação das chamadas estrelas cadentes em regiões portuguesas como o Arquipélago dos Açores, parte de uma iniciativa do Observatório Astronómico de Santana.

No Brasil

  • Na madrugada de 12 de agosto, a chuva de metereoros Perseidas poderá ser vista pelos habitantes de todos os Estados do Brasil, especialmente nas regiões Norte e Nordeste.

Em Cabo Verde

  • No arquipélago de Cabo Verde, poderá apreciar este fenómeno a partir das 00:30 locais, já que a escuridão dos céus permite observar o brilho dos meteoros Perseidas como deve ser.

  • No entanto, há possibilidades de chuva nas ilhas, pelo que a observação poderá ficar prejudicada.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte