Última hora

Em leitura:

Zona Euro: Fraco desempenho da economia acentua pressão sobre o BCE

economia

Zona Euro: Fraco desempenho da economia acentua pressão sobre o BCE

Publicidade

Os estímulos económicos do Banco Central Europeu (BCE) não surtem efeitos. Em agosto, a economia da zona euro regista uma desaceleração.

O índice PMI do setor industrial e dos serviços da Markit atingiu os 52,9 pontos, o que marca uma queda face ao mês precedente (53,2 pontos).

O valor, aquém das expectativas, é o mais baixo dos últimos 19 meses.

Os dados refletem uma desaceleração do setor privado na Alemanha. O índice PMI da maior economia da união monetária caiu para mínimos de 15 meses.

Há ainda uma queda da confiança dos empresários europeus.

Face ao índice PMI, a Markit estima que o crescimento do PIB deverá rondar os 0,3%, o que acentua a pressão sobre o BCE, que se reúne esta semana.

O economista chefe da Markit, Chris Williamson, estima que, “face aos dados, o BCE poderá avançar já com novas medidas”.

Para lá do fraco crescimento económico, a zona euro regista uma baixa inflação. A taxa está abaixo de 1% desde abril de 2014 e aquém da meta de 2% desde finais de 2008.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte