Última hora

Em leitura:

Milhares em fuga após grande incêndio no campo de refugiados de Lesbos

mundo

Milhares em fuga após grande incêndio no campo de refugiados de Lesbos

Publicidade

O campo de refugiados e migrantes de Moria, na ilha grega de Lesbos, foi palco de um grande incêndio que pôs em fuga milhares de pessoas.

Segundo fontes policiais, o fogo foi apagado e, ao início da noite, não havia registo de nenhuma vítima, mas as chamas destruíram “quase todas” as tendas do campo. Entre três e quatro mil migrantes fugiram do local, devido ao incêndio, que as autoridades acreditam ter sido intencional.

O incidente produziu-se quando o primeiro-ministro grego se encontra em Nova Iorque, para uma cimeira sobre os refugiados que antecede a Assembleia Geral da ONU. Alexis Tsipras afirmou que “o desafio da gestão humana e eficaz dos refugiados e das migrações é atualmente testado na Grécia. Se a comunidade internacional falhar no apoio a este esforço, serão sentidas não apenas as repercussões sociais, mas também políticas, não só na Grécia, como em todos os lados”.

Os 193 países da ONU prometeram, no encontro, tentar melhorar as condições de milhões de refugiados face a uma crise sem precedentes. As ONGs criticaram, no entanto, a falta de definição de objetivos concretos.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte