This content is not available in your region

EUA: Ted Cruz apela ao voto em Trump

Access to the comments Comentários
De  Antonio Oliveira E Silva  com REUTERS E EFE
EUA: Ted Cruz apela ao voto em Trump

<p><strong>Com Reuters e Efe</strong></p> <p><a href="https://www.tedcruz.org/l/senator/">Ted Cruz</a>, senador <a href="https://www.gop.com/">Republicano</a> do Texas e antigo aspirante à nomeação Republicana para as presidenciais de novembro nos Estados Unidos, apelou ao voto em Donald Trump na sua conta da rede social <a href="https://twitter.com/tedcruz"><em>Twitter</em></a>.</p> <p>Latino, de origem cubana e um dos senadores mais conservadores da atual legistlatura norte-americana, Cruz tinha mostrado <strong>alguma resistência</strong> em apoiar Trump, depois de ter <strong>desistido da corrida</strong> nas primárias do partido conservador por falta de apoio entre os eleitores.</p> <p>Cruz tinha sido o <strong>protagonista</strong> de um dos momentos mais polémicos da Convenção Nacional Republicana do passado mês de <strong>junho</strong> em Cleaveland, no estado de Ohio.</p> <p>Na altura, o senador <strong>recusou-se a apoiar</strong> o multimilionário de Nova Iorque, tendo sido <strong>vaiado</strong> pelos delegados na Convenção.</p> <p>Mas agora, Ted Cruz diz que <strong>votará em Trump</strong> porque se trata da única pessoa capaz de impedir que Hillary Clinton chegue à presidencia dos Estados Unidos. <br /> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="es"><p lang="und" dir="ltr"><a href="https://twitter.com/hashtag/NeverHillary?src=hash">#NeverHillary</a>: <a href="https://t.co/hl1xip6Cgv">https://t.co/hl1xip6Cgv</a></p>— Ted Cruz (@tedcruz) <a href="https://twitter.com/tedcruz/status/779401886403145728">23 de septiembre de 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <br /> Num texto em que explica a decisão tomada, vista pela impensa norte-americana como um recuo, Ted Cruz diz que se trata de o resultado de um <strong>longo periodo de análise e meditação</strong>:</p> <p>“Depois de muitos meses de cuidadosas considerações, de orações e de busca interior e na minha consciência, decidi que, no dia das eleições, votarei pelo candidato Republicano, Donald Trump.”</p> <p><strong>Ted Cruz explicou aos eleitores ainda que decidiu votar em Trump por duas razões:</strong> </p> <p>Em primeiro lugar, porque tinha prometido, no ano enterior, apoiar o candidato Republicano que resultasse eleito. </p> <p>Em segundo lugar, porque, apesar de estar em desacordo com o candidato em aspetos que considera “muito importantes”, considera que a eleição de Hillary Clinton é <strong>“totalmente inaceitável”</strong>.</p> <p>Donald Trump <strong>respondeu ao apoio</strong> prestado por um dos símbolos do <em>Tea Party</em> e disse que se sentia <strong>“muito honrado”</strong> pelo apoio do “senador Ted Cruz.</p>