Última hora

Em leitura:

Alemanha: Imprensa diz que o Daesh reivindicou ataque a jovens em Hamburgo


Alemanha

Alemanha: Imprensa diz que o Daesh reivindicou ataque a jovens em Hamburgo

Com agências

Vários meios de comunicação alemães, incluindo a agência de notícias DPA, dizem que os jihadistas do autoproclamado Estado Islâmico ou Daesh (pela sigla em língua árabe), reivindicaram o ataque levado a cabo contra dois menores em Hamburgo, no passado dia 16 de outubro.

Um rapaz de 16 anos foi esfaqueado até à morte e uma jovem foi atirada a um rio. Segundo o Daesh, as ações seriam da responsabilidade de quem define como um dos seus “soldados.”

Segundo os media germânicos, o ataque foi descrito por canais de comunicação afetos aos jihadistas como uma “retaliação contra os países“ que contribuem, de uma forma ou de outra, para a presença na Coligação nos territórios sírio e iraquiano.

A Coligação leva a cabo ataques contra os jihadistas, que ocupam atualmente porções importantes do território dos dois países árabes.

A reivindicação surge no mesmo dia em que outro ataque teve lugar, desta vez na cidade de Frankfurt, cuja responsabilidade permanecia, até à madrugada de sábado, por apurar.

Apesar da tomada de posição do Daesh, a identidade do atacante de Hamburgo ^*não foi*, até ao momento, revelada.

Segundo a jovem de 15 anos, citada pelos meios alemães, os dois foram atacados quando se encontravam sentados debaixo da Ponte Kennedy, por volta das 22 horas locais.

A jovem conseguiu escapar e pedir auxílio à polícia, a quem contou que o companheiro fora esfaqueado repetidas vezes.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Itália: Colapso de ponte em estrada a norte de Milão provoca morte de condutor