Última hora

Última hora

Polónia vai cortar drasticamente as pensões de antigos oficiais do regime comunista

Alguns ex-oficiais da era comunista recebem mais de 4000 euros de reforma, enquanto as "vítimas" do antigo regime, nas palavras da chefe do governo, muitas vezes não chegam a receber o equivalente a 2

Em leitura:

Polónia vai cortar drasticamente as pensões de antigos oficiais do regime comunista

Tamanho do texto Aa Aa

A primeira-ministra da Polónia, Beata Sydlo, apresentou um projeto para cortar drasticamente o valor das pensões de antigos oficiais dos serviços secretos do regime comunista.

Alguns ex-oficiais da era comunista recebem mais de 4000 euros de reforma, enquanto as “vítimas” do antigo regime, nas palavras da chefe do governo, muitas vezes não chegam a receber o equivalente a 200 euros.

Com a nova lei, as pensões dos antigos oficiais comunistas não ultrapassarão os 400 euros.