Última hora

Em leitura:

OXFAM: Fosso entre ricos e pobres continua a alargar-se


mundo

OXFAM: Fosso entre ricos e pobres continua a alargar-se

A fortuna dos oito homens mais ricos do planeta é equivalente às posses de metade da população mundial com menos dinheiro, cerca de 3,6 mil milhões de pessoas. Esta é a conclusão da ONG britânica OXFAM que publicou um relatório contra a desigualdade, na véspera do Fórum Económico Mundial, em Davos, na Suíça.

O estudo baseia-se na lista da Forbes das maiores fortunas do planeta. A OXFAM reclama uma política fiscal que permita reduzir um fosso que teima em alargar-se.

“Vimos alguns países que nos últimos dez anos inverteram a tendência e que estão a reduzir o fosso entre os ricos e os pobres. Umas das coisas que fizeram foi porem os ricos a pagarem os seus impostos. Temos situações em que os multimilionários pagam, proporcionalmente, menos impostos que as suas empregadas da limpeza ou as suas secretárias” – denuncia Max Lawson, da OXFAM.

O americano Bill Gates encabeça uma lista que inclui nomes como os dos compatriotas Warren Buffet e Mark Zuckerberg ou o do mexicano Carlos Slim.

A ONG publica anualmente este estudo de modo a tentar pressionar os dirigentes políticos e os líderes da economia e da finança mundial que se reúnem habitualmente em janeiro na estância de inverno de Davos.

ALL VIEWS

Clique para descobrir
Obama não fecha Guantánamo mas reduz número de detidos

EUA

Obama não fecha Guantánamo mas reduz número de detidos