Última hora

Em leitura:

Menos radical, Donald Trump volta a centrar discurso na imigração


EUA

Menos radical, Donald Trump volta a centrar discurso na imigração

Um Trump menos à moda de Trump. O discurso do presidente norte-americano no Congresso foi visto como mais mais moderado, mais presidencial. Mas há ideias que não são abandonadas, no máximo podem ser revistas.
Os imigrantes continuam a ser o principal foco de Trump, mas desta vez já falou dos qualificados como um benefício para o país.

“Acredito que é possível avançar com uma reforma real e positiva da política de migração, mas focados nos seguintes objetivos: melhorar os postos de trabalho e os salários dos americanos, reforçar a segurança da nossa nação e restaurar o respeito pela lei”, garantiu Donald Trump.

Este discurso um pouco menos explosivo do Presidente americano no púlpito do Capitólio deixou os Republicanos mais tranquilos e há mesmo alguns sinais de esperança, vindos de antigos adversários de Donald Trump nas primárias. O senador republicano Ted Cruz aredita que “este pode ser o Congresso mais produtivo das últimas décadas. Considero que o presidente Trump apresentou uma proposta ousada e estou ansioso para que o Congresso, para que todos nós, arregacêmos as mangas e a concretizemos”.

Já a democrata Sheila Jackson Lee considera que “temos de fazer mais e falar menos, temos de passar à ação e as duas últimas semanas deste arranque da administração, houve mais divisão que união. E honestamente esperava que houvesse mais vontade de estabelecer a paz para podermos trabalhar juntos”.

Para além da política de imigração, foram também apontadas baterias para a economia e para a criação de infraestruturas. As duas bancadas do Congresso aplaudem mas os Democratas questionam-se sobre onde ser vai encontrar dinheiro para tantos investimentos.

Trump anunciou também estar a preparar “uma reforma tributária histórica” que visa baixar os impostos das empresas e garantir um “alívio fiscal massivo” à classe média, e pediu união entre o Partido Democrata e o Republicano para avançar com legislações como a substituição do programa de saúde Obamacare.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Iémen

ONU destaca falta de acesso a ajuda humanitária no Iémen