Última hora

Em leitura:

Semana da Música de Tallin: À descoberta de novas sonoridades


Cult

Semana da Música de Tallin: À descoberta de novas sonoridades

O trio folk estoniano,“Trad.Attack! é uma das bandas lançadas na Semana da Música de Tallin”:https://tmw.ee/artists/tradattack. Foi há três anos. Este ano esta verdadeira mostra de música e cultura urbana apresenta 237 artistas de 33 países. Uma enorme variedade de estilos e géneros musicais, mas não só.

Para além da música, o festival de Tallin é um dos maiores acontecimentos europeus ao ar livre, onde abundam as exposições de arte e design e os fóruns públicos.

Uma silhueta esguia e desengonçada a de Avi Mart, um jovem estoniano de 25 anos que criou o seu próprio estilo dandy, com reminiscências pop dos anos 80. Mart dá particular importância à representação cénica: “Algumas não são exatamente histórias minhas, são personagens, interpreto diferentes personagens que têm a sua própria história”.

E as suas influências são as melhores..
“As melhores…Bowie, Prince, Miles Davis. As melhores!” , afirma.

O terceiro album de Mart Avi “Rogue Wave” ficou em segundo lugar na lista dos melhores albuns do ano na Estónia, logo a seguir a “Blackstar”, de David Bowie. Avi não teme ducação musical e nunca aprendeu a tocar um instrumento. Fez os primeiros contactos com uma guitarra e rapidamente passou para a música eletrónica.

Da Pop para a Folk, com a banda Estbel, uma parceira belgo-estoniana, entre os irmãos Hartwin e Ward Dhoore e os músicos da Estónia, Leana Vapper and Sänni Noormets. Os quatro partilham o gosto pela música tradicional com instrumentos como a gaita de foles.

C Duncan, originário de Glasgow é um outro filho da Semana da Música de Tallin. O seu primeiro concerto foi aqui, há dois anos. Dois albuns e uma nomeação aos Mercury depois, a estrela ascendente da british indie-pop voltou a Tallin com a sua banda. O músico escocês fala da influência da sua formação clássica de compositor: “Eu comecei basicamente a fazer música desde muito jovem. Depois fui estudar composição clássica e enquanto fazia a minha formação dei-me conta de que a música pop, fazer música pop é divertido e quando terminei a universidade, pensei, é isto que vou fazer. E fi-lo utilizando toda a minha formação clássica”.

O segundo album de C Duncan, The Midnight Sun que deve o nome a um episódio de “The Twilight Zone” saiu há cerca de seis meses. C Duncan tem estado em tournée com a banda Elbow e vai partir para a estrada de novo, no Reino Unido, em maio.

Por fim, um momento de magia com Hauschka, de seu nome Volker Bertelmann. O pianista alemão é particularmente conhecido pelas suas composições para piano acompanhadas de sonoridades estranhas como cordas, ou bateria.

A Euronews cobriu as duas anteriores edições da Semana da Música de Tallin. Aqui ficam os melhores momentos:

http://pt.euronews.com/2016/04/05/os-destaques-da-semana-da-musica-de-talin

http://pt.euronews.com/2015/03/31/estonia-sons-para-todos-os-gostos-na-7-semana-da-musica-de-talin

Escolhas do editor

Artigo seguinte
Saatchi lança exposição sobre as "selfies" ao longo dos séculos

Cult

Saatchi lança exposição sobre as "selfies" ao longo dos séculos