Última hora

Em leitura:

Petróleo: Rússia e Arábia Saudita chegam a acordo para manter controlo de produção


Economia

Petróleo: Rússia e Arábia Saudita chegam a acordo para manter controlo de produção

A Arábia Saudita e a Rússia chegaram a acordo para prolongar os cortes na produção de petróleo. A decisão foi tomada pelos dois os maiores produtores do mundo esta segunda feira, numa reunião em Pequim, na China, que defendem que é necessário manter a redução por mais nove meses, até marco de 2018 para controlar o excesso de matéria-prima. De qualquer forma, esta medida não deve ter impaco imediato nos preços do petróleo.

O ministro da Energia da Arábia Saudita, Khalid Al-Falih, na conferência de imprensa final, explicou que “chegámos à conclusão de que é necessário prolongar o acordo porque não vamos alcançar o nível desejado para as reservas até ao final de junho”. “Por isso, chegámos à conclusão de que o acordo deverá terminar no final do primeiro trimestre de 2018, o que é razoável para continuar o nosso esforço conjunto para estabilizar o mercado”, garantiu o seu homólogo russo, Alexander Novak.

Depois desta notícia ter sido divulgada o preço dos contratos de petróleo disparou.
Recorde-se que no final de setembro de 2016, a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) chegou a um acordo histórico para cortar a produção de crude pela primeira vez desde 2008.